Postagens

Mostrando postagens de Agosto 6, 2016

CENTRADOS

Imagem
Iniciamos uma nova semana... as coisas estão amenizando e estaremos mais centrados. Quando estamos mais centrados, qualquer desafio pode ser enfrentado. Se nós mergulharmos fundo em nós mesmos, veremos que todos nossos desafios vêm de um “centro”, que pode ser a consciência de vítima, a falta de amor próprio, a raiva, o ressentimento, a opressão, a impotência, a paralisia, a preocupação, a dúvida e, principalmente o medo.
Conseguindo definir esse núcleo, poderemos construir uma passagem para que essa energia flua e possa ser manifestada. Um processo que exige dedicação, pois sem a intenção, a energia é dispersa, sem propósito e sem direção. Precisamos parar, meditar e buscar o equilíbrio, pois ele dos dá o centro e quando estamos centrados conseguimos encontrar caminhos e fazer com que nossos desajustes fluam para fora e se dispersem.
Lembremos-nos da impermanência das coisas e que o que temos é apenas o presente. O ontem já foi e o amanhã só acontece se vivermos o hoje. Somos Co-criado…

KIN 230 - CÃO SOLAR BRANCO

Imagem

O AMOR É A RESPOSTA

Imagem
O momento pede que reavaliemos nossos objetivos e compreendamos como eles afetam o porvir. Muitos são os caminhos para a evolução, todavia, podemos sintetizá-los em: aprender a amar. Amar tudo, amar todos. Amar a Mãe Terra em toda sua forma de expressão e a todo ser vivo que nela habita. Sempre ouvimos falar da "tipologia" do amor: amor de mãe, de esposa, de amante, paterno, materno, ecológico, social ... mas só existe um amor: aquele que olha para o outro (seja lá o que ou quem for este outro) e vê nele um reflexo de si próprio. Os americanos usam uma palavra bem propícia: alone (all one), que quer dizer: somos todos um e aquilo que sentimos ou não pelo outro, vai refletir em nós mesmos.

Todas as respostas que procuramos estão no amor que dedicamos e em nosso mundo interior. Penetrar neste silêncio e dirigir perguntas fará com que nossas respostas individuais surjam. No xamanismo este momento é acompanhado pelo Urso que, dentro da Roda da Cura está sentado no Oeste (a regiã…

IXCHEL - A GRANDE MÃE MAIA

Imagem
Os Maias formaram uma civilização pré-colombiana muito importante que se destacou por ter um sistema de escrita, único nas Américas. Uma cultura muito avançada que possuía um idioma falado no mesmo grau que o escrito, uma arquitetura fantástica que utilizava de técnicas que até hoje são desconhecidas, sistemas matemáticos e astronômicos de alta precisão e uma paixão pela arte. Os Maias tinham um alto grau de interação e difusão cultural na região que hoje é ocupada pelo México, Honduras, Guatemala, El Salvador. Dos povos pré-colombianos foram os que atingiram maiores avanços ( escrita, epigrafia, arquitetura, calendário). Ao contrário de outras civilizações, os Maias nunca desapareceram e ainda hoje Maias e seus descendentes formam  populações consideráveis nas áreas citadas e mantém um conjunto muito distinto de tradições e crenças que ainda são transmitidas na língua “achi”.

Os Maias associam os eventos humanos com as fases da Lua. A principal divindade Maia é Itzama, a manifestação …