Postagens

Mostrando postagens de Junho 3, 2018

SOMOS TODOS ÁGUIAS

Imagem
Para a formação de um xamã, não existe nenhuma faculdade; todos os ensinamentos e conhecimentos são transmitidos por processos não compreensíveis às pessoas que não trabalham a sua espiritualidade. Esses ensinamentos são direcionados ou canalizados à pessoa que é encarregada de transmitir os preceitos assimilados, de uma forma clara e precisa de maneira a facilitar a compreensão da nossa caminhada nesse Mundo e a cura de todos.


Para os toltecas, tudo o que existe é parte de um único ser vivo e esse ser se manifesta criando todas as coisas, tanto aquelas que percebemos, como as que não podemos perceber. Tudo o que existe e é percebido pelos nossos sentidos é chamado de tonal e tudo o que existe e que não podemos perceber é chamado de nagual. O tonal e o nagual só podem existir por causa de uma conexão, de uma força que torna possível toda transferência de energia entre um e outro e a essa energia foi chamada de intento. Portanto, para a tradição Tolteca, nada existiria sem o intento. Pa…

KIN 116 - GUERREIRO CRISTAL AMARELO

Imagem
A energia do Kin de hoje nos leva a lidar com os questionamentos mais profundos, buscando chaves para nossa evolução. Mostra o momento para ousarmos dar um passo a mais no caminho, sem medo. Não devemos temer ser o que somos. A energia do Guerreiro nos cobra a coragem para enfrentar a nós mesmos, fazendo uso da nossa própria inteligência e dos questionamentos internos para aprender a lidar com as nossas sombras, quaisquer que sejam elas. Hoje temos uma grande oportunidade para nos aperfeiçoarmos, não basta apenas falar sobre amor e compaixão, temos que vivenciar na prática, no nosso  dia-a-dia. Tenhamos coragem para questionar o porquê de certas atitudes, que não condizem com o nosso ser real e fazer a devida correção, o mais rápido possível. Estamos no momento da verdade, da transparência, da grande limpeza e purificação de emoções e principalmente de instintos inferiores para que não nos sintonizemos com energias baixas que dificultam a nossa frequência mais elevada. Vamos tentar co…