Postagens

Mostrando postagens de Junho 6, 2019

ORIGEM CÓSMICA

Imagem
Nesta Era da Consciência, muito se têm buscado em relação a espiritualidade e com isso a ânsia por novos métodos e técnicas surge de maneira quase que inevitável. Em meio ao acumulo de tantas informações sobra espaço para o Eu Verdadeiro?
Você têm conhecimentos ou sabe utilizar a sua sabedoria inata?
Bem aí você pode se perguntar, o que tudo isso têm haver com a minha Origem Cósmica! E eu respondo: Tudo.
Quando acessei a minha origem cósmica que nada mais é do que a minha primeira manifestação de vida neste Universo, tudo mudou em relação a espiritualidade, um verdadeiro Salto Quântico. Todo o sentimento de não pertencimento, de saudades e não apropriação, deu espaço ao meu propósito e missão de vida. Este momento nos dá força e coragem, temos a consciência de que não estamos sozinhos e viemos desempenhar um propósito que é ao mesmo tempo pessoal e coletivo.

SAIBA SUA ORIGEM CÓSMICA PELO CALENDÁRIO MAIA

Imagem
Através do calendário Maia podemos saber nossas origens cósmicas neste plano, a Terra. Diana de Assis, em seu livro Calendário Maia, da Editora Nova Era, ed.1998, explica que, segundo a revelação da Profecia Maia, há na Terra seres provenientes de quatro origens estelares, as quais formaram as raças que compõem a humanidade: de Sirius, Arcturus, Órion e das Plêiades. 

Essas raças se misturaram, combinando quatro códigos genéticos. Os Maias associam cada raça a um Castelo. 

Assim, os seres de Sirius são provenientes do Castelo Vermelho, os de Arcturos são do Castelo Branco, os de Órion são do Castelo Azul e os seres das Plêiades são do Castelo Amarelo. 

Houve uma última leva que ingressou no plano, são os seres deAlfa Centauri, do Castelo Verde. Cada raça veio pra cá, originalmente com uma função específica. 

Os conhecimentos de cada raça, de suas passagens cósmicas de origem, foram se incorporando aos códigos genéticos das raças e, assim, colaborando com a evolução do plano. Fazia parte d…

TUDO SOBRE VELAS

Imagem
Na definição de vela encontramos: é uma fonte de luz que consiste tipicamente num pavio inserido num combustível sólido, tipicamente parafina. A função do pavio é ser queimado no intuito de produzir fogo, e este, por sua vez, iluminar o ambiente. Todavia a vela é representa bem mais que isto, é uma maravilha da engenharia, da criatividade divina manifestada. Um fogo controlado e que se mantém aceso à nossa disposição.

Olhar fixamente para uma vela acesa, pode ajudar muito a elevação da nossa energia e sua chama favorece a meditação, pois a vela representa a chama sagrada e mantém acesa a chama que representa a manifestação do espírito na matéria e toda vez que ascendemos uma vela, estamos aumentando a possibilidade de comunicação entre nós e o plano espiritual. 


A vela acesa é a verdadeira imagem da divina presença do Eu Sou, representada na matéria. Somos a base da vela e a intensidade da nossa chama, depende do combustível que nós damos, a nossa atenção, a nossa adoração. Precisamos a…