• Saviitri Ananda

TEMPO NATUREZA - DIA DAS BRUXAS


O Xamanismo Celta é um caminho, uma maneira de se reverenciar a Vida e a Natureza e como qualquer outra forma de “religare”, possui ritos e festivais. O calendário celta está intimamente ligado ao que chamamos de “Roda do Ano”, uma representação a nível cosmológico das crenças em um ciclo de nascimento, vida, morte e renascimento. Estas festividades estão também ligadas ao ciclo das colheitas, as fases da Lua e as estações do ano; seguem astronomicamente aos Solstícios e os Equinócios, e por isso, tem datas diferentes para sua prática dependendo de se estar no Hemisfério Norte ou no Hemisfério Sul.



'Mas muitos preferem estar na Força da egrégora e mesmo aqui no Hemisfério Sul, festejam nessa semana o SAMHAIN, a mais importante comemoração da “Roda do Ano”, pois marca tanto o fim quanto o início de um novo ano. Nessa noite, o véu entre o nosso mundo e o mundo dos mortos se torna mais tênue, sendo o tempo ideal para nos comunicarmos com os que já partiram. O sentido do SAMHAIN é nos sintonizarmos com os nossos ancestrais numa vibração de Amor e Harmonia.

SAMHAIN é uma palavra que significa "sem Luz", pois para os que seguem a religião celta, nessa noite, o Deus morreu e mundo mergulha na escuridão, os dias vão ficar mais curtos e as noites mais longas e a Deusa caminhará até o Mundo das Sombras em busca do seu amado, que está esperando para nascer. Eles se amam, e, desse amor, a semente da luz espera no Útero da Mãe, para renascer no próximo Solstício de Inverno como a Criança da Promessa. A Roda continua a girar para sempre. Assim, não há motivo para tristezas, pois aqueles que perdemos nessa vida irão renascer, e, um dia, nos encontraremos novamente, nessa jornada infinita de evolução.

Nesta noite (31de outubro ou 30 de abril) a barreira entre nosso mundo e o mundo dos espíritos fica mais fina, e o Deus se sacrifica para se tornar a semente de próprio renascimento em Yule . É quando iniciamos o período de recolhimento, fugindo da época mais escura do inverno. A noite de SAMHAIN se encontra no meio exato entre o ano que se vai e o que vem pela frente, e é portanto uma data atemporal.

RESPEITANDO A TODOS, PUBLICO OS DOIS ARTIGOS QUE ESCREVI: - SAMHAIN - A PROMESSA DE RENOVAÇÃO

- BELTANE - A UNIÃO DOS PRINCÍPIOS FEMININO E MASCULINO


Bjos no Coração

Namastê!

*Saviitri Ananda*

*Terapeuta Holística (KINTERAPIA, Quântica, Ayurveda, Tantra, Yoga); Consultora em Tarô e Mapa Védico; formada em Psicologia, Jornalismo e Ed. Física (UFPr); pós graduada em Artes, Naturopatia, Psicologia Social e Saúde Quântica. Desenvolve estudos sobre Multidimensionalidade, Eubiose e Terapias Naturais – Curitiba/PR.

E-mail: kinterapia@gmail.com


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo